Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
  • Acessibilidade
  • Alto Contraste
  • Mapa do Site
  • PortugueseEnglishSpanishChinese (Simplified)FrenchGermanItalian
Página Inicial > Notícias > Campus Monte Castelo realiza colação dos grau de cursos superiores
Início do conteúdo da página Notícias

Campus Monte Castelo realiza colação dos grau de cursos superiores

Solenidade aconteceu na noite da última quarta-feira (04), no teatro Viriato Correia, e concedeu a outorga do grau a 56 alunos.
  • Assessoria de Comunicação
  • publicado 10/05/2022 19h09
  • última modificação 10/05/2022 19h09

O Instituto Federal do Maranhão (IFMA) Campus São Luís. – Monte Castelo, realizou na noite da última quarta-feira (04), a solenidade de outorga de grau dos cursos superiores de Bacharelado em Engenharia Civil, Engenharia Mecânica, Engenharia Elétrica e Sistemas de Informação, e das licenciaturas em Biologia Física Matemática e Química. Ao todo, 56 alunos colado grau na cerimônia, que ocorreu no cine teatro Viriato Correia.

Compuseram a mesa de honra da solenidade o reitor do IFMA, Carlos Cesar Teixeira Ferreira, o diretor-geral do Campus São Luís -monte Castelo, Cláudio Leão Torres, o pró-reitor de Ensino e Assuntos Estudantis, Maron Gomes, o pró-reitor de Extensão, Carlos Alexandre Amaral, a pró-reitora de Administração, Lucimeire Amorim, o diretor de Ensino Superior Alberico do Nascimento, o diretor do Ensino Técnico, Ernesto Chagas, coordenador do curso de Engenharia Elétrica, Orlando Donato Costa, representando os demais coordenadores, a paraninfa da turma de licenciatura em Biologia, Flávia de Aquino Farias, representando os demais paraninfos e o patrono da turma de licenciatura em Química, Marcelo Molzinho Oliveira, representando os demais patronos.

O orador oficial das turmas, Leonardo Nascimento Melo, do curso de Engenharia Civil, destacou em seu discurso que “gratidão é o que hoje carregamos em nossos peitos. Agradecemos aos familiares que nos deram apoio e amparo. Aos professores, que buscaram a melhor forma de transmitir o conhecimento necessário para formar profissionais competentes, éticos e bons em suas áreas. Aos colegas de faculdade. A Deus. Sonhamos muito com esse momento, e, hoje, realizamos um sonho pessoal. Conseguimos nos unir para alcançar a mudança que um dia ousamos sonhar.

A professora Flávia de Aquino farias afirmou em seu discurso que “a jornada é difícil, mas a experiência irá auxiliar na próxima jornada e para o crescimento da profissão. Nunca esqueçam a essência de vocês. Não desistam dos sonhos de vocês, pois, quando olharem para trás, perceberão que valeu a pena”, afirmou. Antes do seu discurso, o professor Alberico fez a entrega do mérito acadêmico aos alunos Lucas Carvalho de Sousa e Quezia Regina Lisboa Botelho, pelo bom desempenho acadêmico. “O IFMA esteve junto com vocês nessa jornada. Estão vivendo esse momento pela mobilização dos primeiros mestres de vocês, os pais. Parabéns aos pais e mães. Temos um programa que não pode acabar, a educação pública. Vocês são frutos dessa educação. Defendam-na aonde forem”, declarou.

O pró-reitor de ensino, Maron Gomes lembrou que os dois últimos anos foram muito complexos. “Este momento coroa, presenteia vocês. Levarão boas lembranças dessa casa. Nossa mensagem é gratidão por terem nos escolhido e o orgulho que vocês proporcionam. A casa sempre estará de portas abertas”, disse. O diretor-geral do campus, Cláudio Leão Torres enfatizou que “precisamos do apoio de vocês e da sociedade para continuar o trabalho da instituição. Nossa instituição forma os melhores profissionais. Precisamos manter o ensino público brasileiro de qualidade”, pontuou.

Em seu discurso, o reitor, Carlos Cesar Teixeira, destacou a satisfação em realizar sua primeira colação de grau presencial no Campus Monte Castelo como reitor. “Este é o poder do maior projeto de interiorização que leva educação pública de qualidade. Este é o momento de materialização do trabalho de anos. Sinto alegria, orgulho e emoção em ver vocês presencialmente vencendo esta etapa de vida. Muitos estão experimentando a sensação de alívio, dever cumprido. Seus professores se esforçaram e se reinventaram mesmo com toda a dificuldade na pandemia, remodelando nossas práticas educacionais. É apenas o começo de uma jornada. O IFMA entrega à sociedade profissionais com boa formação teórica, prática e uma formação humanizada. Provavelmente não ficarão ricos, mas experimentarão a atuação profissional e transformarão pessoas, e elas transformarão o mundo. O professor tem o dever de disseminar a verdade através da ciência, e vocês, no caso dos licenciados, se juntam a essa missão, finalizou.

registrado em:
Fim do conteúdo da página